English
- +

16/01/2015

IATS lança Dicionário de Avaliação de Tecnologia em Saúde

Foi pelo entendimento de que Avaliação de Tecnologias em Saúde (ATS) é um jovem segmento entre as diversas áreas das Ciências da Saúde que o Instituto de Avaliação de Tecnologia em Saúde (IATS) concebeu a ideia de elaborar um Dicionário de Avaliação de Tecnologia em Saúde para o Brasil. O trabalho de construção desta obra inovadora, explica a médica pesquisadora Luciane Nascimento Cruz, considerou a importância do conjunto de termologias e conceitos mais utilizados no estudo, na leitura, na interpretação e na aplicação de conhecimentos gerados em pesquisas científicas sobre ATS, cujo impacto e alcance ampliaram-se significativamente na última década, no Brasil.

Os “verbetes” contidos no dicionário são oriundos de literatura científica e, alguns deles, da adaptação da Língua Inglesa para a Língua Portuguesa, além de palavras que são comuns às lides das ciências da Saúde, Econômicas e Sociais. “Parte dos termos e conceitos de ATS ainda são desconhecidos por muitos profissionais da saúde, gestores e até mesmo pesquisadores menos familiarizados com as rotinas e atividades relacionadas com ATS (Health Tecnology Assessment, em Língua Inglesa). Por isso, propusemos o desafio de tornar ATS mais acessível através desta publicação que está sendo lançada em conjunto com esta edição especial da IATS News”.

Na essência, segundo ela, a iniciativa tem como objetivo compartilhar e dar ressonância ao desenvolvimento científico da última década. “E, possivelmente, contribuir para o trabalho de quem representa o real foco de todo o esforço empreendido no campo da ciência, que é transformar o saber em ferramentas práticas para o aprimoramento da assistência em saúde da população brasileira”, define.

Co-autor do dicionário, o pesquisador do IATS, Sandro René, destaca que no dicionário composto por 181 verbetes o leitor encontrará mais do que apenas simples descrição de significado das palavras. “O Dicionário de ATS vai um pouco além da ideia convencional de uma publicação dessa natureza, trazendo significado das palavras e uma breve explicação contextual, envolvendo conceito do termo e buscando promover o entendimento sobre sua utilidade e aplicação na atividade de pesquisa e na escrita científica, através de sínteses explicativas e até algumas ilustrações gráficas”, afirma.

Entre os termos, o leitor do Dicionário de ATS irá encontrar a palavra “Metanálise”, uma das mais utilizadas por quem atua em ATS, cujo significado é “revisão sistemática na qual ocorre uma análise estatística que combina e integra os resultados de estudos independentes, com o objetivo de extrair uma medida sumária do efeito analisado. A metanálise possibilita resolver incertezas quando os estudos disponíveis são discordantes, melhorar a estimativa do tamanho do efeito e incrementar o poder estatístico para os pacientes em geral e subgrupos”.

 

Texto e edição: Luiz Sérgio Dibe