English
- +

07/01/2015

Novo ministro defende fortalecimento da agenda de CT&I pela União

O novo ministro da Ciência, Tecnologia e Inovação, Aldo Rebelo, defendeu maior valorização da agenda da área no governo federal e no Congresso Nacional. "Nós dependemos do Congresso em muitas coisas, em primeiro lugar do próprio orçamento. Muitas das decisões da agenda de CT&I são políticas", afirmou, na cerimônia em que recebeu o cargo de titular da pasta do seu antecessor Clelio Campolina Diniz, em Brasília.

Rebelo acrescentou que CT&I está associada aos interesses do desenvolvimento do Brasil, da elevação do padrão de vida da população e da democratização da sociedade. Em seu discurso, ao assumir o cargo, o ministro se comprometeu a ampliar os recursos do Fundo Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (FNDCT). Confira a divulgação, na íntegra, no Portal do CNPq.

 
Edição: Luiz Sérgio Dibe