English
- +

14/07/2011

O IATS participa do 27° Congresso do Conasems e divulga sua atuação na tomada de decisão junto aos profissionais da saúde

Estande do IATS no 27° Congresso do Conasems

 

O 27º Congresso Nacional de Secretarias Municipais de Saúde (Conasems) e 8º Congresso Brasileiro de Saúde, Cultura de Paz e Não-Violência, reuniu cinco mil pessoas no Centro de Convenções Ulysses Guimarães, em Brasília, nos dias 9 a 12 de julho. O IATS esteve presente nos quatro dias de evento e visou estreitar relacionamento e conhecer melhor as necessidades do gestor de saúde e demais profissionais envolvidos na tomada de decisão em Avaliação de Tecnologia em Saúde (ATS). No estande do IATS foram realizados questionários com gestores, divulgação de cursos, pesquisas e notícias em ATS. O Ministro da Saúde, Alexandre Padilha, visitou o espaço.

O Instituto prezou por um contato direto com os profissionais de saúde, procurando entender suas demandas e conhecimentos em ATS através de um questionário online, que traçou o perfil do gestor de saúde atual. Os resultados mostraram que a ATS ainda é pouco disseminada nos municípios e a melhor maneira de auxiliar estes profissionais é informando através de material impresso e eletrônico e promovendo cursos, workshops e palestras sobre o assunto. A Oficina de Avaliação de Tecnologia em Saúde divulgada no evento teve grande aceitação do público, que manifestou interesse em participar e obter mais informações. O curso será realizado nas capitais onde o IATS atua, sob demanda. O principal objetivo é introduzir o gestor em tópicos relacionados à ATS, como usá-la na tomada de decisão, suas vantagens e limitações.

Durante o evento, aconteceram também treze cursos, dezesseis oficinas e quinze painéis, que abordaram desde Financiamento e Execução Orçamentária à Articulação da Rede de Atenção a Saúde do Trabalhador e a Atenção Básica.

 

O Ministro da Saúde, Alexandre Padilha, visitou o IATS

 

Em defesa do SUS

A abertura do evento foi marcada pelo discurso em defesa do Sistema Único de Saúde (SUS) do Ministro da Saúde, Alexandre Padilha. Na cerimônia, Padilha, disse que "sem os secretários municipais de saúde o SUS não existiria", ressaltando a importância fundamental dos municípios e destacando a importância decisiva do Conasems na aprovação do decreto de regulamentação da Lei Orgânica do SUS, que deu definição clara aos papéis da cada ente federado na organização do sistema. O presidente reeleito do Conasems, Antônio Carlos Nardi, também enfatizou a importância da regulamentação: “A aprovação da lei é um marco do SUS e o resgate de uma dívida de 21 anos com a sociedade brasileira".

A portaria cria pontuação que vai definir a distribuição dos recursos da atenção básica. Dessa forma, municípios mais carentes terão um financiamento diferenciado. O Ministro lançou também o Programa de Melhoria do Acesso e Qualidade da Atenção Básica.  O programa vai avaliar o desempenho e qualidade das equipes que atuam nessa área.  Um dos critérios de avaliação será a satisfação do usuário. 


No próximo ano, o 28° Congresso do Conasems será sediado na cidade de Maceió.


Confira mais informações sobre o Congresso na página do Conasems