English
- +

07/12/2009

Ministério da Saúde constitui Política Nacional de Gestão de Tecnologias em Saúde e recebe apoio de coordenador do IATS

No dia 5 de novembro, através da Portaria nº 2.690, o Ministério da Saúde instituiu a Política Nacional de Gestão de Tecnologias em Saúde. Tendo em vista a necessidade de se normatizar a dinâmica do processo de avaliação, incorporação e gestão de tecnologias no Sistema Único de Saúde (SUS), de forma a compatibilizá-la como perfil epidemiológico, as necessidades sociais em saúde da população e os princípios normativos que regulam o sistema de saúde brasileiro. O coordenador do IATS, doutor Flávio Fuchs afirma que há muitos anos professores e pesquisadores apontam para a importância da avaliação crítica e independente de tecnologias de saúde para racionalização e distribuição justa de recursos de atenção à saúde. “Ficamos muito gratificados com o recente e intenso movimento mundial para utilização desta ferramenta por gestores públicos. Tanto nos Estados Unidos, onde a proposta de reforma do sistema de saúde se apóia no conceito de efetividade clínica, como no Brasil, com a oficialização da política nacional de gestão em tecnologias em saúde, avança-se no campo científico e tecnológico a serviço do bem comum. O IATS é parceiro dessas ações, e estará contribuindo com produção e avaliação de pesquisas em tecnologia de saúde”, ressalta ele.